Governo do Estado do Rio Grande do Sul
Início do conteúdo

Programa Sementes Forrageiras recebe manifestação de interesse até dia 15

Toda a demanda que chegar à Seapdr será atendida, como medida de ajuda na mitigação dos efeitos da estiagem no campo gaúcho

Publicação:

Programa de Sementes Forrageiras da SEAPDR abre prazo para manifestação de interesse
Aveia é uma das espécies do Programa Sementes Forrageiras, que conta ainda com azevém, ervilhaca e capim sudão - Foto: Fernando Dias/SEAPDR

O prazo para manifestação de interesse na adesão ao Programa Sementes Forrageiras da Secretaria da Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural (Seapdr) encerra-se neste sábado (15/01). O levantamento avaliará qual será o aporte de recursos necessários para operacionalização do programa em 2022. Haverá o atendimento de toda a demanda que chegar à Seapdr, como uma das medidas anunciadas pelo governo do Estado para ajudar na mitigação dos efeitos da estiagem nas pequenas propriedades rurais.

Podem participar agricultores e pecuaristas familiares, por meio de suas cooperativas, associações e sindicatos. Os recursos serão operacionalizados via financiamento subsidiado, conforme regras do Fundo Estadual de Apoio ao Desenvolvimento dos Pequenos Produtores Rurais (Feaper).

As entidades interessadas na adesão devem efetuar a manifestação de interesse para a Seapdr, por meio de ofício com a identificação da entidade, valor e número de produtores que deseja atender (veja abaixo o modelo para manifestação de interesse). O documento assinado pela entidade deve ser encaminhado para o e-mail: leitegaucho@agricultura.rs.gov.br.

O Programa Sementes Forrageiras tem por objetivo fomentar a aquisição de sementes para pastagens de inverno e verão. Entre as espécies que podem ser plantadas estão o azevém, as aveias preta e branca, o trigo duplo propósito, a ervilhaca e o capim sudão.

No ano passado, os contratos somaram R$ 5 milhões e beneficiaram cerca de 11 mil famílias, por meio de 90 entidades em todo o Rio Grande do Sul. Neste ano, o governo autorizou a destinação de R$ 10 milhões, caso houver necessidade. O programa concede até R$ 500 por CPF de agricultor familiar para a compra de sementes. O produtor tem que quitar 70% deste financiamento junto às cooperativas e sindicatos até fevereiro do ano seguinte. Os outros 30% são abatidos pelo Estado.

Clique aqui para acessar o modelo de manifestação de interesse.

Notícias

Secretaria da Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural